terça-feira, 13 de Maio de 2008

O TERÇO- MISTÉRIOS GOZOSOS- SEGUNDA FEIRA E SÁBADO



Jesus diz que não basta rezar, pois a oração há-de levar-nos a fazer - como Ele - a vontade do Pai celeste: "Dei-vos o exemplo para que façais como Eu" (Mt. 7,21; Jo. 13,15).

"Cristo sofreu por nós, deixando-nos o exemplo, para que sigamos os Seus passos... e que, mortos para o pecado, vivamos para Deus" (I Pd. 2,21;24).

Como Cristo ressuscitado vive para Deus, vós também, mortos para o pecado, vivei para Deus em Cristo Jesus (Rm. 6, 8-11).



Oração e esperança


Guia: Pelo sinal da Santa Cruz, livre-nos Deus, nosso Senhor, dos nossos inimigos. Em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. Ámen.

Guia: Meu Senhor Jesus Cristo,
Todos: Deus e homem verdadeiro, pesa-me de todo o meu coração ter pecado, porque mereci o inferno e perdi o céu, e sobretudo, porque Vos ofendia Vós, que sois bondade infinita, a Quem amo sobre todas as coisas. Proponho, firmemente, com a vossa graça, emendar-me e afastar-me das ocasiões de pecado, confessar-me e cumprir a penitência. Confio que me perdoareis pela vossa infinita misericórdia. Amen.

Guia: Abri, Senhor, os meus lábios.
Todos: E a minha boca proclamará o vosso louvor.

Guia: Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo.
Todos: Como era no princípio, agora e sempre. Amen.

Primeiro Mistério Gozoso

A Anunciação

A encarnação do Filho de Deus

Conforme o Arcanjo anunciou, o Filho de Deus incarnou no seio da Virgem Maria...


Anunciação e Incarnação


Ao sexto mês, o Anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galileia chamada Nazareth, a uma virgem desposada com um homem chamado José, da casa de David, e o nome da virgem era Maria. Ao entrar em casa dela, o Anjo disse-lhe: "Salvé, ó cheia de graça, o Senhor está contigo." Ao ouvir estas palavras, ela perturbou-se e inquiria de si própria o que significava tal saudação. Disse-lhe o Anjo: "Não tenhas receio, Maria, pois achaste graça diante de Deus. Hás-de conceber no teu seio e dar à luz um filho, ao qual porás o nome de Jesus. Será grande e vai chamar-Se Filho do Altíssimo. O Senhor Deus dar-Lhe-á o trono de Seu pai David, reinará eternamente sobre a casa de Jacob e o Seu reinado não terá fim." Maria disse ao Anjo: "Como será isso, se eu não conheço homem?" O Anjo respondeu-lhe: "O Espírito Santo virá sobre ti e a força do Altíssimo estenderá sobre ti a Sua sombra. Por isso, Aquele que vai nascer é Santo e será chamado Filho de Deus. Também a tua parente Isabel concebeu um filho na sua velhice e está já no sexto mês, ela, a quem chamavam estéril, porque nada é impossível a Deus." Maria disse então: "Eis a escrava do Senhor, faça-se em mim segundo a tua palavra." E o Anjo retirou-se de junto dela.

Lucas, 1, 26-58

O Anjo saudou a Virgem Maria: "Avé! Ó cheia de graça! O Senhor é convosco!". E anunciou-Lhe que Deus A escolhia para ser a Mãe do Salvador. Ela respondeu: "Sim, faça-se como Deus quer!". Nesse momento, o Filho de Deus, para ser nosso Irmão e Salvador, tomou a natureza humana no seio puríssimo da Virgem. Assim começou em Maria o Mistério de Cristo para glória de Deus e salvação dos homens.



Segundo Mistério Gozoso

A Visitação

A visita de Nossa Senhora a santa Isabel

O Salvador, levado no seio de Maria, visita os seus e os enche de alegria...


Maria visita Isabel


Por aqueles dias, Maria pôs-se a caminho e dirigiu-se à pressa para a montanha, a uma cidade da Judeia. Entrou em casa de Zacarias e saudou Isabel. Quando Isabel ouviu a saudação de Maria, o menino saltou-lhe de alegria no seio e Isabel ficou cheia do Espírito Santo. Então, erguendo a voz, exclamou: «Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre. E donde me é dado que venha ter comigo a mãe do meu Senhor? Pois, logo que chegou aos meus ouvidos a tua saudação, o menino saltou de alegria no meu seio. Feliz de ti que acreditaste, porque se vai cumprir tudo o que te foi dito da parte do Senhor.»
Maria disse, então:
«A minha alma glorifica o Senhor e o meu espírito exulta em Deus, meu Salvador.
Porque pôs os olhos na humildade da Sua escrava.
De hoje em diante, me chamarão bem-aventurada todas as gerações.
O Todo Poderoso fez em mim maravilhas.
Santo é o Seu nome.
A Sua misericórdia se estende de geração em geração sobre aqueles que O temem.
Manifestou o poder do Seu braço e dispersou os soberbos.
Derrubou os poderosos de seus tronos e exaltou os humildes.
Cumulou de bens os famintos e os ricos despediu de mãos vazias.
Acolheu a Israel, Seu servo, lembrado da Sua misericórdia, conforme prometera a nossos pais, a Abraão e à sua descendência para sempre.»
Maria ficou com Isabel cerca de três meses. Depois, regressou a casa.

Lucas 1, 39-36

Por caridade, Maria vai junto da prima levando-Lhe Cristo e auxílio nos trabalhos. Cristo santifica o filho de Isabel, ainda no ventre materno, e enche de alegria aquela mãe. Isabel, cheia de gratidão, louva a Mãe de Deus e o próprio Salvador: "Bendita sois Vós entre as mulheres e bendito é o fruto do vosso ventre". Em resposta, Maria glorifica o Senhor.



Terceiro Mistério Gozoso

A Natividade

O nascimento do Menino Jesus

O Menino Deus nasce milagrosamente da Virgem Maria, no presépio de Belém...



Nascimento de Cristo


Por aqueles dias, saiu um édito da parte de César Augusto, para ser recenseada toda a Terra. Este recenseamento foi o primeiro que se fez, sendo Quirino governador da Síria. E iam todos recensear-se, cada qual à sua própria cidade. Também José, deixando a cidade de Nazareth, na Galileia, subiu até à Judeia, à cidade de David, chamada Belém, por ser da casa e linhagem de David, a fim de recensear-se com Maria, sua mulher, que estava grávida. E, quando eles ali se encontravam, completaram-se os dias de ela dar à luz e teve o seu filho primogénito, que envolveu em panos e recostou numa manjedoura, por não haver lugar para eles na hospedaria. Na mesma região, estacionavam uns pastores, que pernoitavam nos campos, guardando os seus rebanhos durante a noite. O Anjo do Senhor apareceu-lhes, e a glória do Senhor refulgiu em volta deles, e tiveram muito medo. Disse-lhes o Anjo: «Não temais, pois vos anuncio uma grande alegria, que o será para todo o povo: hoje, na cidade de David, nasceu-vos um Salvador, que é o Messias, Senhor. Isto vos servirá de sinal: encontrareis um menino envolto em panos e deitado numa manjedoura.» De repente, juntou-se ao Anjo uma multidão do exército celeste, louvando a Deus e dizendo: «Glória a Deus nas alturas e paz na Terra aos homens por Ele amados.» Quando os Anjos se afastaram em direcção ao Céu, os pastores disseram uns aos outros: «Vamos então até Belém e vejamos o que aconteceu e que o Senhor nos deu a conhecer.» Foram apressadamente e encontraram Maria, José e o Menino deitado na manjedoura. Depois de terem visto, começaram a espalhar o que lhes tinham dito a respeito daquele Menino. E todos os que ouviram se admiraram do que lhes disseram os pastores. Quanto a Maria, conservava todas estas coisas, ponderando-as no seu coração. E os pastores voltaram, glorificando e louvando a Deus por tudo o que tinham visto e ouvido, conforme lhes fora anunciado.

Lucas 2, 1-20

Na pobreza dum estábulo, na escuridão da noite, nasce da Virgem Maria um lindo Menino: tão pequenino em sua humanidade e tão grande em sua divindade! "Bendito é o fruto do vosso ventre" - é o maior louvor que dirigimos à Virgem Mãe, porque Ela dá ao Mundo o Salvador. Dádiva sublime que os Anjos celebram assim: Glória a Deus e Paz aos homens!



Quarto Mistério Gozoso

A Apresentação de Jesus no Templo

A apresentação do Menino Jesus no templo

Jesus, aos 40 dias de idade, é apresentado no Templo pelos Pais, como nosso Redentor...



Apresentação de Jesus


Quando se cumpriu o tempo da sua purificação, segundo a lei de Moisés, levaram-n'O a Jerusalém para O apresentarem ao Senhor, conforme está escrito na lei de Deus: «Todo o primogénito varão será consagrado ao Senhor», e para oferecerem em sacrifício, como se diz na lei do Senhor, um par de rolas ou duas pombinhas. Ora, residia em Jerusalém um homem chamado Simeão; era justo e piedoso, esperava a consolação de Israel e o Espírito Santo estava nele. Tinha-lhe sido revelado pelo Espírito Santo que não morreria antes de ter visto o Messias do Senhor. Impelido pelo Espírito, veio ao Templo e, quando os pais trouxeram o Menino Jesus a fim de cumprirem o que ordenava a lei a Seu respeito, tomou-O nos braços, bendisse Deus e exclamou: «Agora, Senhor, podes deixar o Teu servo partir em paz, segundo a Tua palavra, porque os meus olhos viram a Salvação, que ofereceste a todos os povos: Luz para iluminar as nações e glória de Israel, Teu povo.» Seu pai e Sua mãe estavam admirados com o que se dizia d'Ele. Simeão abençoou-os e disse a Maria, Sua mãe: «Este menino está aqui para queda e ressurgimento de muitos em Israel e para ser sinal de contradição; e, a ti, uma espada trespassará a tua alma, a fim de se revelarem os pensamentos de muitos corações.»

Lucas 2, 22-35

Obedecendo à Lei, Jesus pequenino (40 dias de idade) é levado ao Templo por Sua Mãe e S. José. Aí Se apresenta ao eterno Pai com vista à redenção da Humanidade: Eis-Me aqui, ó Deus, para cumprir a vossa vontade! A Mãe puríssima cumpre também o preceito da Purificação. Obedecer por amor de Deus é uma oferta de nós mesmos ao Senhor.

Quinto Mistério Gozoso

O Menino Encontrado - Perdido no Templo

O Menino Jesus perde-Se e é encontrado no templo

Jesus, aos 12 anos, procurado pelos Pais, é encontrado no Templo como Mestre divino...


Encontro no Templo

Os pais de Jesus iam todos os anos a Jerusalém, pela festa da Páscoa. Quando Ele chegou aos doze anos, subiram até lá, segundo o costume dos dias da festa. Terminados esses dias, regressaram a casa e o Menino ficou em Jerusalém, sem que os pais o soubessem. Pensando que Ele Se encontrava na caravana, fizeram um dia de viagem e começaram a procurá-l'O entre os parentes e conhecidos. Não O tendo encontrado, voltaram a Jerusalém, à Sua procura. Volvidos três dias, encontraram-n'O no Templo, sentado entre os doutores, a ouvi-los e a fazer-lhes perguntas. Todos quantos O ouviam estavam estupefactos com a Sua inteligência e as Suas respostas. Ao vê-l'O, ficaram assombrados e Sua mãe disse-Lhe: «Filho, por que nos fizeste isto? Olha que Teu pai e eu andávamos aflitos à Tua procura.» Ele respondeu-lhes: «Por que Me procuráveis? Não sabíeis que devia estar em casa de Meu Pai?» Mas eles não compreenderam as palavras que lhes disse. Depois desceu com eles, voltou para Nazareth e era-lhes submisso. Sua mãe guardava todas estas coisas no seu coração. E Jesus crescia em sabedoria, em estatura e em graça, diante de Deus e dos homens.

Lucas 2, 41-52

Jesus, com 12 anos, vai ao Templo com Seus Pais para manifestar a Sua inteira submissão a Deus Seu Pai celeste. Maria e José perdem-n'O de vista e procuram-n'O com ansiedade até O encontrarem no Templo. Ele mostrou que o amor e obediência aos pais, e a qualquer criatura, deve resultar do amor e obediência ao Pai celeste. Depois, voltou para Nazaré com Seus Pais e obedecia-lhes em tudo.

Terço do Rosário
Orações Finais

"Dei-vos o exemplo (diz Jesus) para que façais como Eu: felizes sereis se assim fizerdes" (Jo. 13,15-17).

"Quem quiser seguir-Me - diz o Senhor renegue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-Me" (Mt. 16,24).

"Se vivemos como filhos de Deus, também seremos seus herdeiros - glorificados com Cristo" (Rom. 8,17).


Fé e devoção

Ladainha de Nossa Senhora

Senhor, tende piedade de nós.
Cristo, tende piedade de nós.
Senhor, tende piedade de nós.
Cristo, ouvi-nos.
Jesus Cristo, atendei-nos.
Pai Celeste que sois Deus.
Tende piedade nós. Filho,
Redentor do mundo, que sois Deus.
Tende piedade nós.
Espírito Santo que sois Deus.
Tende piedade nós.
Santíssima Trindade que sois um só Deus.
Tende piedade de nós.
Santa Maria. Rogai por nós
Santa Mãe de Deus. Rogai por nós
Santa Virgem das virgens. Rogai por nós
Esposa do Espírito Santo. Rogai por nós
Mãe de Jesus Cristo. Rogai por nós
Mãe da divina graça. Rogai por nós
Mãe puríssima. Rogai por nós
Mãe castíssima. Rogai por nós
Mãe inviolada. Rogai por nós
Mãe amável. Rogai por nós
Mãe do bom conselho. Rogai por nós
Mãe do Criador. Rogai por nós
Mãe do Salvador. Rogai por nós
Mãe da Igreja. Rogai por nós
Virgem prudentíssima. Rogai por nós
Virgem venerável. Rogai por nós
Virgem digna de louvor. Rogai por nós
Virgem poderosa. Rogai por nós
Virgem misericordiosa. Rogai por nós
Virgem fiel. Rogai por nós
Espelho de justiça. Rogai por nós
Trono de sabedoria. Rogai por nós
Causa da nossa alegria. Rogai por nós
Vaso espiritual. Rogai por nós
Vaso digno de honra. Rogai por nós
Rosa mística. Rogai por nós
Torre de David. Rogai por nós
Torre de marfim. Rogai por nós
Casa de ouro. Rogai por nós
Arca da aliança. Rogai por nós
Porta do céu. Rogai por nós
Estrela da manhã. Rogai por nós
Saúde dos enfermos. Rogai por nós
Refúgio dos pecadores. Rogai por nós
Consoladora dos aflitos. Rogai por nós
Auxilio dos cristãos. Rogai por nós
Rainha dos anjos. Rogai por nós
Rainha dos patriarcas. Rogai por nós
Rainha dos profetas. Rogai por nós
Rainha dos apóstolos. Rogai por nós
Rainha dos mártires. Rogai por nós
Rainha dos confessores. Rogai por nós
Rainha das virgens. Rogai por nós
Rainha de todos os santos. Rogai por nós
Rainha concebida sem pecado original. Rogai por nós
Rainha elevada ao Céu em corpo e alma. Rogai por nós
Rainha do santíssimo rosário. Rogai por nós
Rainha da paz. Rogai por nós

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo.
Perdoai-nos, Senhor.

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo.
Ouvi-nos, Senhor.

Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo.
Tende piedade nós, Senhor.

Guia: Sob a vossa protecção nos acolhemos, Santa Mãe de Deus. Não desprezeis as nossas súplicas em nossas necessidades, mas livrai-nos de todos os perigos, ó Virgem gloriosa e bendita. Rogai por nós Santa Mãe de Deus.
Todos: Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.

Guia: ó Deus, cujo Filho Unigénito, com a sua vida, morte e ressurreição, nos alcançou o prémio da vida eterna, concedeinos, a nós que celebramos estes mistérios do santo rosário, imitar o que contêm e alcançar o que prometem. Por Cristo nosso Senhor.
Amen.

Cântico da Santíssima Virgem (Magnificat)

A minha alma glorifica ao Senhor e o meu espírito se alegra em Deus, meu Salvador.
Porque pôs os olhos na humildade da sua serva: de hoje em diante me chamarão bem-aventurada todas as gerações. O Todo-Poderoso fez em mim maravilhas: Santo é o seu nome.
A sua misericórdia se estende de geração em geração sobre aqueles que O temem. Manifestou o poder do seu braço e dispersou os soberbos.
Derrubou os poderosos de seus tronos e exaltou os humildes. Aos famintos encheu de bens e aos ricos despediu de mãos vazias.
Acolheu a Israel, seu servo, lembrado da sua misericórdia, como tinha prometido a nossos pais, a Abraão e à sua descendência para sempre.
Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. Como era no princípio, agora e sempre.

Amen.

Sem comentários: